segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Busco-te




Busco-te

( Débora Acácio 20/11/2008)

Busco-te sempre
Em meus sonhos,
pensamentos,
no mais secreto que existe dentro de mim.

Busco-te
Nas linhas além do horizonte
pois sei que em algum lugar
longe de mim estás..

Busco-te no céu estrelado,
nos pingos da chuva
que alimenta minha alma de esperança.
Busco-te no sol, na lua..
Encontramo-nos sempre,
em minhas linhas, rimas
e entrelinhas de muitas poesias.

Busco seus lábios em outros beijos
para saciar a minha sede
Busco seu afago em outros braços,
seu sorriso em outros rostos..
Sua voz em outros tons,
sua alma dentro da minha..

Busco-te em minha saudade,
em minha ansiedade,
poi sei que,
num tempo não tão distante,
estivemos a fazer nossas juras secretas,
estivemos a sorrir,
a caminhar lado-a-lado..
 
Nos perdemos nesse mesmo tempo,
nas linhas de várias vidas consecutivas,
caminhos distantes, diferentes,
mas no mesmo amor,
na mesma paixão,
nos encontramos em cada perdão,
em cada gesto de gratidão.

Buscando-te seguirei
pois sei que
um dia estarás aqui
na palma da minha mão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Entre, sente, leia e viva a poesia...
Desde já agradecendo o doce carinho de seu comentário
Debby :)