terça-feira, 3 de abril de 2012

Outra vez...

 Estas borboletas encontram-se ameaçadas de extinção 
saiba mais clicando na imagem :)

Outra vez a poesia se fez em mim...
Outra vez o amor foi se chegando sem pedir licença...
Outra vez as borboletas de muitas cores 
as flores de muitos aromas invadiram os jardins de meus pensamentos
Outra vez...
Débora Acácio

Mais uma vez
( Débora Acácio 28/03/2012)

Mais uma vez o amor em mim
Se faz esperar
Sem a agonia de antes.
Mais uma vez eu aprendo
Que o essencial de amar
Está mais em saber amar, que ser amado

Mais uma vez o sorriso
Aponta em meu horizonte
Mas, os olhos que me fitam
Não estão mais tão distantes
São os meus no meu reflexo
Diante do espelho da minha vida

Mais uma vez
Aprendo a esperar sempre de mim
O que antes esperava ou desejava de ti
Mandarei sim
Noticias de lá do meu lugar
Pois mais uma vez
Aprendo como li um poeta dissertar
O essencial é invisível aos olhos




4 comentários:

  1. Dona Acácio!!!!
    Que maravilha, hein?
    AMEI! AMEI! AMEI!
    Você é Você e não se fala mais nisso!
    Rsrsrs
    Beijoooooos,
    Cinthya

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dona Cinthya!!!
      Mil perdões mas a moderação estava desativa e num vi seu lindo comentário!
      rsrs
      Beijos
      Debby :)

      Excluir
  2. Que lindo, flor! *_*
    Amei demais o seu post, obrigada pelo carinho e volte sempre viu? Grandes beijos ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju...
      Obrigada pelo carinho

      Bjs
      Debby :)

      Excluir

Entre, sente, leia e viva a poesia...
Desde já agradecendo o doce carinho de seu comentário
Debby :)